Tuesday, December 2, 2014

Dia B - Dia das Borboletas : um projecto transcurricular





Pieris napi | Borboleta do nabo

Borboletas de Portugal

credits : Tagis




 Pieris rapae | Macho, face inferior das asas

Borboletas de Portugal

credits : Albano Soares
https://scontent-a-lhr.xx.fbcdn.net/


No ano lectivo 2005-2006, os alunos do curriculo de Língua Portuguesa desenvolveram um projecto curricular em parceria com Tagis - Conservação das Borboletas de Portugal para o estudo do Texto Poético.

"Passa uma borboleta por diante de mim
E pela primeira vez no Universo eu reparo
Que as borboletas não têm cor nem movimento
Assim como as flores não têm perfume nem cor.
A cor é que tem cor nas asas da borboleta
No movimento da borboleta o movimento é que se move,
O perfume é que tem no perfume da flor.
A borboleta é apenas borboleta
E a flor é apenas flor."

Alberto Caeiro, O Guardador de Rebanhos

Em meados de 2006, descobrimos o projecto Tagis via Internet, pouco depois de ser criado. O Tagis - Borboletário. Propunha uma actividade de Observação das Borboletas nas Escolas de Portugal, 2006.



Pieris brassicae | Macho e fêmea

Borboletas de Portugal


credits : Albano Soares

Por considerar esta actividade muito sugestiva para incluir no estudo do Texto Poético, integramos assim o Dia B - Dia das Borboletas que denominámos Contando borboletas nos jardins de Serralves.



Jardins de Serralves
credits : Serralves

O projecto enquadrava lindamente o conteúdo programático Texto Poéticodado que são muitos os poetas que referem as borboletas em seus poemas. 

Claramente um projecto que despoletou a criatividade dos alunos em actividades de leitura de poemas, escrita criativa, bem como saída da sala de aula em Visita de Estudo aos jardins do Parque de Serralves, para uma lição viva ao ar livre.

Leiamos o Relatório inter-turmas da Visita de Estudo | Aula viva, elaborado por um grupo de alunas:

No dia 20 de Junho 2006, os alunos das turmas 5C|5I realizaram uma Visita de Estudos aos Jardins de Serralves.

O objectivo desta visita foi a observação de borboletas,  e  a sua identificação com a ajuda do Guia de Campo que Tagis - Centro de Conservação das Borboletas de Portugal - nos enviou, a pedido da Professora de Língua Portuguesa que na sua curiosidade profissional de sempre, encontrou ao surfar na Internet

O guia era muito completo e bem ilustrativo das possíveis espécies de borboletas existentes em Portugal.





Parque de Serralves

Já nos jardins, dividimo-nos em vários grupos, e acompanhados pelos Professores, lançámo-nos à aventura!

Sempre que víamos uma borboleta - algumas fugiam de tal modo era a nossa excitação! - identificávamos a espécie, com o apoio do Guia individual distribuído previamente pela Professora, na aula de preparação para a visita. 

De vinte em vinte minutos, reuniam-se os grupos, e a Professora Língua Portuguesa anotava na 'Folha-Relatório', as espécies e número de borboletas observadas.

Havia muitas espécies e de imensas cores: brancas, amarelas, azuis, verdes e multicores! O Parque de Serralves é muito rico em biodiversidade.

Conseguimos observar a 'bela dama', a 'manchadinha', a 'limão' e até espécies mais raras como a 'carnaval', 'pavão-diurno', 'zebra'! Tantas e tão coloridas!




Borboleta azul | Parque de Serralves

credits: Serralves


Estava uma manhã quente! Fizemos um intervalo, sentados à sombra de umas árvores acolhedoras e refrescantes do parque, e degustámos o nosso lanche!

Depois, continuámos a observação e vimos mais algumas espécies... até que chegou a hora de voltar à escola.

Foi uma visita de estudo maravilhosa! E bem ao ar livre!

Interessante e divertido este Dia B - Dia das Borboletas - incluído no Projecto Observação das Borboletas nas Escolas de Portugal!

Esperámos ter contribuído para o estudo das borboletas do nosso país. Lamentamos que tantas estejam em vias de extinção! 

Gostaríamos imenso ter acesso à exposição itinerante ! Não sabemos se passará pelo Porto.




Borboleta cauda-andorinha | Parque de Serralves

credits: Serralves

Como adoramos borboletas, adorámos a visita! E aprendemos tanto fora das paredes da sala de aula.

Ah! Antes desta actividade, elaborámos um Borboletário! Borboletas feitas em cartolina e papel de lustro em  tons  vivos onde transcrevemos poemas de autores portugueses e brasileiros.

No mistério do sem-fim
Equilibra-se um planeta
E, no jardim, um canteiro
No canteiro, uma violeta
E, sobre ela, o dia inteiro
A asa de uma borboleta.


Cecília Meireles

Os Borboletários colocados nos placares das nossas salas de aula fizeram muito sucesso! Alunos e professores de outras turmas vinham visitar os nossos Borboletários. Como nos sentíamos orgulhosos.

Ah ! Mas antes de afixarmos os nossos poemas sob a temática da borboleta, no
Borboletário do jornal de parede das nossas turmas, cada aluno leu em voz alta o seu poema e a Professora avaliava a nossa expressividade, entoação e dicção.

Nas aulas de Ciência Naturais, estudámos as borboletas e suas espécies.

Também nas aulas de EVT, os alunos  desenhámos e criámos borboletas em papel de seda pintado que suspendemos nas salas de aula. Depois, ao fazer a visita de estudo, cada um de nós levava a sua borboleta na mão. Foi um passeio lindo, muito esvoaçante a caminho do Parque de Serralves.

Também nos jardins do Parque, deixávamos que as nossas borboletas de papel esvoaçassem enquanto percorríamos o espço em busca de borboletas. Os jardins ficaram mais animados! E bem colorridos. 

A Professora tirou fotos, mas não foram publicadas online por sermos menores de 16 anos.


Relatório:

Carolina Neves| Cláudia Carneiro| Inês Gil, 11 anos (5C)


Actividades:


  • Estudo do Texto Poético (Língua Portuguesa)
  • Pesquisa de poemas alusivos a borboletas
  • Selecção dos poemas para posterior transcrição em borboletas de cartolina
  • Escrita criativa livre : elaboração de curtos poemas alusivos às borboletas
  • Estudo da borboleta (Ciências Naturais)
  • Elaboração de borboletas em cartolinas de cor e papel de seda colorido
  • Exposição Borboletário : placares salas de aula
  • Preparação Visita de Estudo - Parque de Serralves
  • Aula Viva nos jardins do Parque de Serralves

Todas estas actividades integraram um projecto transcurricular - Língua Portuguesa ; Ciências Naturais ; Educação Visual previamente delineado pelos professores que integraram o projecto, e negociado com os alunos de duas turmas.


Um projecto rico em aprendizagens, muita alegria partilhada, ao longo de várias aulas, aprendizagens bem veiculadas, e que culminaram com a Visita de Estudo, uma aula viva ao ar livre.

Experiências pedagógicas gratificantes para professores e alunos.

Projecto transdisciplinar e inter-turmas :


Língua Portuguesa - 5C/5I
Educação Visual e Tecnológica - 5C/5I
Área de Projecto – 5C
Formação Cívica - 5C
Estudo Acompanhado - 5I


Professora Dinamizadora: 

Gina Souto – Língua Portuguesa|Formação Cívica|Estudo Acompanhado 

Professores Participantes:

 
Graça Montenegro/Jorge Figueiredo - AP/EVT – 5C
Angelina/António Ferreira/Cátia Silva - EVT – 5I
Sílvia Ferreira - EA – 5I



Professores Acompanhantes:
 
Jorge Figueiredo – EVT
Cátia Silva – EVT
Sílvia Freitas - EA


Agradecimentos : 

Tagis - Centro de Conservação das Borboletas de Portugal

Fundação de Serralves – Serviço Educativo



G-Souto 

Junho  2006

(actualizado em 02.12.2014)
Copyright © 2014G-Souto'sBlog, gsouto-digitalteacher.blogspot.com® 

Creative Commons License


 Proibida a reprodução de textos de alunos.



No comments: